FATESA: PIONEIRA NO ENSINO DE ULTRASSONOGRAFIA E DIAGNÓSTICO POR IMAGEM

Cursos

  1. Home
  2. Cursos
  3. Cursos
« Voltar à lista de cursos

Cursos

US em Biópsia da Próstata

Coordenado por: Prof. Dr. Fernando Marum Mauad

Próximas datas:

De 01/06/2018 a 02/06/2018

6 horas

De 31/08/2018 a 01/09/2018

6 horas

De 30/11/2018 a 01/12/2018

6 horas

* Data(s) sujeita(s) a alteração(ões) mediante aviso prévio.

Para quem é?

Profissionais com diploma de Graduação em Medicina e CRM ativo.

Por que fazer?

Adquirir formação e treinamento sobre biópsia guiada por US Endoretal da próstata e complicações Pós-Biópsia guiada por US Tutorial. Aulas Práticas.

Qual objetivo?

Fazer uma revisão anatômica da próstata, com enfoque em aspectos clínicos e cirúrgicos para a prática da biópsia de próstata. Ressaltar os aspectos clínicos das principais patologias da próstata e correlacionar a imagem da próstata, na Ultrassonografia Transretal (USTR), com ressonância magnética, abordando seus principais aspectos anatômicos e patológicos.

Conteúdo Programático:

Tudo o que você precisa saber sobre biópsia guiada por US Endoretal da Próstata.
Tudo o que você precisa saber sobre Complicações Pós-Biópsia Guiada por US Tutorial.
Aula Prática.
Assuntos eventuais: Atualidades.

Este aprendizado teórico básico das aulas citadas acima é um pré-requisito para qualquer treinamento prático em ultrassonografia e está dividido em três partes: física e instrumentação; técnicas de US; tópicos administrativos e assistencialista.

Física e instrumentação:
Os componentes básicos de um sistema de ultrassom.
Tipos de transdutores e a produção de ultrassom, com ênfase nas variáveis controladas pelo operador.
Uma compreensão das frequências utilizadas em ultrassom clínico e efeito sobre a qualidade e penetração da imagem.
A interação entre ultrassom e tecido, incluindo efeitos biológicos.
A segurança do ultrassom e agentes de contraste para ultrassonografia.
Os princípios básicos do ultrassom em tempo real e Doppler.
O reconhecimento e explicação de artefatos comuns.
Sistema de registro de imagens.

Técnicas de ultrassonografia:
Informação e preparação do paciente.
Indicações para exames.
Importância da ultrassonografia para outras modalidades de imagem.
A influência dos resultados do exame de ultrassom sobre a necessidade de outras imagens.
Técnicas de varredura incluindo o uso de Doppler colorido.

Administrativo e assistencialista:
Registro de imagens.
Armazenamento e arquivamento de imagens.
Elaboração de laudos/relatórios.
Aspectos médico-legais: delinear a responsabilidade de exercer esta prática dentro de níveis específicos de competência e requisitos para treinamento, bem como atualização frequente.
Consentimento Livre e Esclarecido para procedimentos.
O valor e o papel dos protocolos departamentais na determinação do uso apropriado do ultrassom.

TREINAMENTO PRÁTICO:
Neste treinamento foi incluído tópico teórico em anatomia e patologia, e um tópico prático, relacionando as doenças que devem ser observadas na experiência diária e prática do aluno. A experiência prática deve ser adquirida sob orientação de um docente designado para tal.
Diferentes alunos adquirirão as habilidades necessárias em diferentes níveis e a conclusão do programa de treinamento deverá ser definida com base na avaliação de sua competência prática.
Os exames devem incluir a série completa de patologias relacionadas na disciplina.
Um número significativo de exames deverá ser realizado para abranger a série completa de doenças e procedimentos encontrados na disciplina.

Ao final do treinamento, o aluno deverá:
a) Realizar exames comuns com segurança e precisão;
b) Reconhecer e diferenciar anatomia normal (ou variações da normalidade) de doença;
c) Diagnosticar anormalidades comuns.

 

Nossos cursos são registrados e/ou qualificados pelas associações: